Windows 8

Windows 8

Jul 13

Have you seen the Windows 8 logo created by Pentagram?

And here is the evolution of the logo since 1985:

What do you think of this new logo?

Microsoft to Acquire Skype for $8.5 Billion

Microsoft to Acquire Skype for $8.5 Billion

May 11

Microsoft has confirmed that they are acquiring Skype for $8.5 billion.

Microsoft and Skype

Microsoft Corp. and Skype Global announced that they have entered into a definitive agreement under which Microsoft will acquire Skype, the leading Internet communications company, for $8.5 billion in cash from the investor group led by Silver Lake. The agreement has been approved by the boards of directors of both Microsoft and Skype.

Skype is the popular voice over internet service that also offers a Mac and iOS App version.

Microsoft reports that Skype will support Microsoft devices like Xbox and Kinect, Windows Phone and a wide array of Windows devices, and Microsoft will connect Skype users with Lync, Outlook, Xbox Live and other communities. The press release also states that they will continue to invest in and support Skype clients on non-Microsoft platforms.

Hasta la Vista: As Várias Versões do Windows 7

Hasta la Vista: As Várias Versões do Windows 7

Jul 31

Esta semana, Walter S. Mossberg, colunista do The Wall Street Journal, passou pelo tedioso processo de migrar do Windows XP para a nova versão 7 que será lançada em outubro.

Ele nos conta de algumas coisas que devem ser consideradas para fazer a transição ao novo sistema operativo.

Se você está usando Windows Vista, o upgrade é muito mais simples, já que o precesso é direto, salvando seus documentos pessoais, especificações e programas. Mesmo com uma transição mais tranquila, temos que ter em conta que esse upgrade requer escolhas e limitações que podem ser confusas para o usuário comum.

O Windows 7 não requer tanto hardware como a versão anterior, deve funcionar bem em qualquer computador que tenha o Vista instalado ou nos últimos modelos de computadores rodando XP. De fato, essa nova versão exige um pouco menos que o Vista.

No entanto, como o Vista, o Windows 7 será vendido em uma multitude de edições e decidir qual delas você deve comprar pode ser um tanto confusa, pois teremos que escolher entre 6 versões, apesar de que uma delas está reservada para países que a Microsoft chama de “mercados emergentes”. Dos 5 restantes, um deles é para grandes empresas. Outra é uma versão simples chamada Starter e não pode ser instalado como um upgrade direto, segundo a Microsoft.

A maioria dos consumidores provavelmente escolherão Windows 7 Home Premium, que custará nos EUA $120 para fazer o upgrade e que possue todas as chaves funções do Windows. O nível por em cima desse é chamado Professional, que contêm alguns extras que podem ser úteis para consumidores que trabalhem em grandes companhias ou usem programas velhos ou especializados. Mais importante que isso, a versão Professional, ao contrário que a “Home Premium”, pode entrar em redes remotas usando um sistema chamado Domain Joining. Além de poder rodar programas antigos da versão XP que não funcionariam normalmente no Windows 7. A versão Professional custa $200 para fazer o upgrade. Uma outra opção será chamada Ultimate que combina todas as funções das outras edições mas custa $100 mais que a Home Premium.

Existem certas limitações que os atuais computadores rodando Vista devem encontrar. Em geral, você só poderá migrar para a versão compatível entre o Vista e a versão 7. Quem tem Vista Home Premium só poderá fazer o upgrade para Windows 7 Home Premium, Vista Business para Windows 7 Professional. Essa regra tem duas exeções: você poderá fazer o upgrade para Windows 7 Ultimate de qualquer versão do Vista, menos a Starter, só pagando mais. E da versão Vista Home Basic se pode migrar para Windows 7 Home Premium.

Qualquer das 3 verões mais comuns do Windows 7 poderá ser rodado em computadores como da Apple Macintosh usando programas como Fusion e Parallels, no entanto, as regras para o upgrade continuam valendo.

Depois que você instalou o Windows 7 você pode mudar para uma versão superior, do Home Premium para Professional com um mínimo de esforço extra e um pouco mais de dinheiro usando um programa da Microsoft chamado Windows Anytime Upgrade, que libera as funções da versão Professional que já estará instalado no seu computador, mas ocultas. O mesmo se pode fazer migrando para versão Ultimate.

Mais uma complicação, para cada uma das 3 principais versões do Windows 7 existem na verdade 2 versões. Uma criada para PCs com processadores standard, com processadores de 32-bits, e a outra é para novos PCs com processadores de 64-bits. A versão de 32-bits só reconhece 3 Gb de memória, mas a de 64-bits pode usar muito, muito mais. Para a maior parte dos consumidores 3 Gb é mais do que suficiente, mas com 64-bits roda mais rápido quando se tem vários programas abertos ao mesmo tempo ou quando, por exemplo, esteja rodando vídeos em alta resolução.

O problema é que você nñao poderá fazer o upgrade direto do Windows Vista 32-bits para Windows 7 64-bits, ou vice-versa, adicionando mais uma capa de complexidade para a migração.

Para saber mais sobre as diferentes versões do Windows 7 click aqui.

Para ver o artigo original de Walter S. Mosberg, click aqui.

Dicas para quem quer comprar um novo computador

Dicas para quem quer comprar um novo computador

Apr 28

Se você está pensando em comprar um computador agora, pense que há mais um fator a ter em conta além do computador em si. Ao longo deste ano, dois dos principais sistemas operacionais, Windows Vista da Microsoft e Mac OS X Leopard da Apple serão substituídos pelas novas versões: Windows 7 e Mac OS X Snow Leopard. E isso afeta qual deve ser a sua escolha em computadores.

Independente da escolha, é provável que você queira que nele venha instalado a última versão do sistema operacional. Principalmente porque você não quer pagar mais e passar pelo trabalho de fazer um upgrade do sistema no seu computador. Ainda mais se você pensa em comprar um PC rodando Windows. Vista é lento e está cheio dessas mensagens de alerta. Baseando na versão beta do Windows 7, o novo sistema é uma melhora.

Windows vs. Mac:
Os computadores da Apple são bonitos e duráveis, além disso o seu sistema operacional é mais rápido, fácil de usar e mais estável que o Windows atual, isso sem mencionar que os Macs não são suscetíveis à maior parte dos vírus hoje existentes. Windows 7 diminuirá provavelmente essas diferenças, mas Snow Leopard pode levar os Macs um passo mais à frente.

Mas à principio os Macs custam mais que os PCs, porque a Apple não fabrica computadores de tão baixa gama como os fabricantes de PC. Mas se escolhemos computadores com os mesmos componentes (processador, memória, HD, placa gráfica, etc.) o preço pode até surpreender e um PC de marca pode sair mais caro que um Mac.

Se velocidade, facilidade de uso e estabilidade são fatores mais importantes para você, compre um Mac.

Nova versão:
A Microsoft promete que fazer o upgrade do Vista para Windows 7 será um processo tranqüilo, preservando os seus arquivos, programas e configurações. Mas é uma outra história se você tem Windows XP no seu computador. Pois será um processo árduo e com vários passos a seguir, requerendo que você faça um back-up de tudo que você quiser manter, pois você terá que apagar todo o sistema operacional, e só depois recolocar todos os seus documentos, configurações e reinstalar todos os programas.

Além disso, a nova versão do Windows 7 para notebooks, chamada Stater Edition, é uma versão limitada do sistema. Só poderá rodar 3 programas de cada vez e não permite o uso dos recursos gráficos do Windows 7. A Microsoft diz que donos de notebooks poderão usar a versão Home do novo sistema pagando algo mais, mas devido à baixa velocidade de processador e da placa gráfica nesses computadores, a experiência pode ser ruim.

Apple não faz notebooks e diz que Snow Leopard será fácil de atualizar em qualquer dos Macs atuais.

Memória:
Nenhuma das duas empresas diz oficialmente quais serão os requisitos básicos para rodar os novos sistemas operacionais, mas é provável que ambos necessitem no mínimo 1 Gb de memória, mas recomendável ter 2 Gb, mesmo nas máquinas mais baratas.

Placa gráfica:
Nos novos sistemas operacionais, ter uma placa gráfica adequada será mais importante que nunca, porque os computadores passarão parte do processamento típico do processador para a placa gráfica. Se possível compre um com memória embutida. Se for muito caro, procure placas gráficas integradas que compartirão a memória principal do computador.

Processador:
Ambas empresas dizem que o novo sistema funcionará bem nos atuais processadores no mercado. A melhor escolha serão os processadores de dual-core. Alguns computadores mais baratos ainda são vendidos com processadores antigos de um core, que funciona para tarefas leves. Notebooks, alguns laptops e até computadores de mesa rodando com processadores Intel Atom sofrerão com algumas tarefas.

Tela tátil:
O Windows 7 inclui a possibilidade de usar gestos de múltiplos toques na tela, necessitando usar uma tela tátil especial diferente dos tablet PCs atuais. Poucos modelos atuais, como Hewlett-Packard’s TouchSmart desktop, suporta essa opção. Se você estiver interessado, tenha certeza que a tela que você comprar suporta essa opção.

Concluindo:
De qualquer forma, não compre algo que você não possa pagar ou que você não precise, mas proteja-se comprando algo que você não tenha problemas para instalar a atualização de qualquer dos sistemas operacionais.

Como uma ajuda final, se você estiver interessado em qualquer produto da Apple, consulte o guia de compras do MacRumors, pois nele você encontrará informações importantes como o ciclo de cada produto.

Microsoft iPod Packaging

Microsoft iPod Packaging

Apr 22

O que aconteceria se a Microsoft fizesse um novo desenho para a embalagem do iPod? Esse vídeo já está circulado já faz algum tempo, mas o que é mais interessante é que realmente saiu do gigante de Redmond. Segundo o porta-voz da Microsoft, Tom Pilla, este vídeo, que era para circular somente dentro da empresa, foi criado pelo departamento de embalagens com a intenção de mostrar as dificuldades que eles enfrentam para criar uma embalagem que contenham as especificações pedidas pelo departamento de marketing.

Para mais informações leia a página do The iPod Observer.